Sobre o Curso

Nas Faculdades INTA, a formação de Biomédicos é constituída com sólida capacitação técnico-científica, amparada em princípios de humanização e ética, inserido em um contexto social local, direcionados a uma abordagem integral do processo saúde-doença e de equilíbrio entre excelência técnica e relevância social, com vistas ao atendimento das necessidades da população brasileira, dentro de suas peculiaridades e nos diferentes níveis de atenção à saúde. Possui duração de 9 semestres, totalizando 4 anos e meio.

 

Objetivos

A Missão do Curso de Bacharelado em Biomedicina INTA é a formação de Biomédicos com sólida capacitação técnico-científica, amparada em princípios de humanização e ética, inseridos em um contexto social local, direcionados a uma abordagem integral do processo saúde-doença e de equilíbrio entre excelência técnica e relevância social, com vistas ao atendimento das necessidades da população brasileira, dentro de suas peculiaridades e nos diferentes níveis de Atenção à Saúde.

 

O Profissional

O biomédico é um profissional muito bem aceito e bastante necessário no âmbito mercadológico em diversas áreas da saúde, pois se destaca devido a ser um profissional que tem os primeiros contatos e aplicações das novas tecnologias emergentes. Têm competência legal para assumir chefias técnicas, assessorias, direção e emitir os respectivos laudos de atividades como: Análises clínicas, Citologia oncótica, análises hematológicas e banco de sangue, análises moleculares, produção e análises de bioderivados, análises bromatológicas, análises toxicológicas, análises ambientais, análises por imagens (Raio-X, tomografia, Ressonância magnética e medicina nucelar – exceto o laudo), Indústrias (Indústrias químicas e biológicas), acupuntura, Biologia molecular (exames laboratoriais de DNA), Docência universitária, Pesquisa científica básica ou aplicada, vigilância sanitária, saúde pública e Biomedicina estética.

 

Áreas de atuação

A profissão de Biomédico foi regulamentada pela Lei 6.684, de 03/9/79 e Decreto no 88.439, de 28/6/83. De acordo com a regulamentação, só podem exercer a profissão biomédicos formados em cursos superiores de Biomedicina ou Ciências Biológicas – Modalidade Médica reconhecidos pelo MEC e com registro junto ao Conselho Regional de Biomedicina no estado onde trabalham.

Segundo consta no site do Conselho Federal de Biomedicina (http://www.cfbiomedicina.org.br/atuacao.php), o profissional de biomedicina pode optar por atuar nas seguintes habilitações:

  • Acupuntura
  • Análise Ambiental
  • Análises Bromatológicas
  • Anatomia Patológica
  • Auditoria
  • Banco de Sangue
  • Biofísica
  • Biologia Molecular
  • Biomedicina Estética
  • Bioquímica
  • Citologia Oncótica
  • Embriologia
  • Farmacologia
  • Fisiologia
  • Fisiologia Geral
  • Fisiologia Humana
  • Genética
  • Hematologia
  • Histologia Humana
  • Imagenologia (excluindo interpretação)
  • Imunologia
  • Informática de Saúde
  • Microbiologia
  • Microbiologia de Alimentos
  • Parasitologia
  • Patologia
  • Patologia Clínica (Análises Clínicas)
  • Perfusão Extracorpórea
  • Psicobiologia
  • Radiologia
  • Reprodução Humana
  • Resíduos Gerados pelos Serviços de Saúde
  • Sanitarista
  • Saúde Pública
  • Toxicologia
  • Vetores e Pragas Urbanas
  • Virologia

Para exercer suas atividades em qualquer uma das habilitações da biomedicina, o biomédico precisa obter o reconhecimento de habilitação na área em que atua, o que pode ser feito por meio de estágio, habilitação durante a graduação, pós-graduação, concursos e provas. É possível se especializar em mais de uma habilitação, desde que o profissional cumpra os requisitos do Conselho Federal de Biomedicina (CFBM).

Cerca de 70% dos biomédicos brasileiros trabalham em laboratórios de análises clínicas. Outras áreas de atuação são bancos de sangue, clínicas de estética, hospitais, institutos de pesquisa, indústria farmacêutica e alimentícia, universidades e órgãos públicos. Clínicas de reprodução humana e pesquisa genética são bastante citados por especialistas como áreas promissoras da biomedicina.

 

Habilidades e competências

O aluno do curso de Biomedicina das Faculdades INTA, tem durante a sua graduação trabalhado o desenvolvimento da sua Atenção à saúde, Tomada de decisões, sistematizar e decidir as condutas mais adequadas, baseadas em evidências científicas, Comunicação, Liderança, Administração e gerenciamento e a Educação permanente como competências e habilidades a serem desenvolvidas.

 

Perfil do egresso

O egresso do Curso de Bacharelado em Biomedicina do INTA terá a formação profissional para o exercício das competências e habilidades específicas:

  • Respeitar os princípios éticos inerentes ao exercício profissional;
  • Atuar em todos os níveis de atenção à saúde, integrando-se em programas de promoção, manutenção, prevenção, proteção e recuperação da saúde, sensibilizados e comprometidos com o ser humano, respeitando-o e valorizando-o;
  • Atuar multiprofissionalmente, interdisciplinar e transdisciplinarmente com extrema produtividade na promoção da saúde baseado na convicção científica, de cidadania e de ética;
  • Reconhecer a saúde como direito e condições dignas de vida e atuar de forma a garantir a integralidade da assistência, entendida como conjunto articulado e contínuo das ações e serviços preventivos e curativos, individuais e coletivos, exigidos para cada caso em todos os níveis de complexidade do sistema;
  • Contribuir para a manutenção da saúde, bem estar e qualidade de vida das pessoas, famílias e comunidade, considerando suas circunstâncias éticas, políticas, sociais, econômicas, ambientais e biológicas;
  • Exercer sua profissão de forma articulada ao contexto social, entendendo-a como uma forma de participação e contribuição social;
  • Emitir laudos, pareceres, atestados e relatórios;
  • Conhecer métodos e técnicas de investigação e elaboração de trabalhos acadêmicos e científicos;
  • Realizar, interpretar, emitir laudos e pareceres e responsabilizar-se tecnicamente por análises clínico-laboratoriais, incluindo os exames hematológicos, citológicos, citopatológicos e histoquímicos, biologia molecular, bem como análises toxicológicas, dentro dos padrões de qualidade e normas de segurança;
  • Realizar procedimentos relacionados à coleta de material para fins de análises laboratoriais e toxicológicas;
  • Atuar na pesquisa e desenvolvimento, seleção e produção e controle de qualidade de produtos obtidos por biotecnologia;
  • Realizar análises fisio-químicas e microbiológicas de interesse para o saneamento d meio ambiente, incluídas as análises de água, ar e esgoto;
  • Atuar na pesquisa e desenvolvimento, seleção, produção e controle de qualidade de hemocomponentes e hemoderivados, incluindo realização, interpretação de exames e responsabilidade técnica de serviços de hemoterapia;
  • Exercer atenção individual e coletiva na área de análises clínicas e toxicológicas;
  • Gerenciar laboratórios de análises clínicas e toxicológicas;
  • Atuar na seleção, desenvolvimento e controle de qualidade de metodologias, de reativos, reagentes e equipamentos;
  • Assimilar as constantes mudanças conceituais e evolução tecnológica apresentadas no contexto mundial;
  • Avaliar e responder com senso crítico as informações que estão sendo oferecidas durante a graduação e no exercício profissional;
  • Formar um raciocínio dinâmico, rápido e preciso na solução de problemas dentro de cada uma de suas habilitações específicas;
  • Ser dotado de espírito crítico e responsabilidade que lhe permita uma atuação profissional consciente, dirigida para a melhoria da qualidade de vida da população humana;
  • Exercer, além das atividades técnicas pertinentes à profissão, o papel de educador, gerando e transmitindo novos conhecimentos para a formação de novos profissionais e para a sociedade como um todo.

 

Mercado de Trabalho

Para as realidades da região, o Biomédico se insere facilmente em: Hospitais; Universidades, Faculdades e/ou Centros de Pesquisas; Laboratórios de analises clinicam públicos e privados; Órgãos públicos de Saúde; Clínicas especializadas de saúde (como acupuntura, estética e medicina nuclear) e Indústrias de Biotecnologia.

Biomedicina
Informações
Duração: 4 anos e 6 meses
Tipo de curso: Bacharelado
Modalidade: Presencial
Grade e corpo docente: Visualizar
Matriz curricular: Download
Ementário das disciplinas: Download
Conceito Enade:  –
Conceito Preliminar de Curso (CPC):  –
Conceito de Curso (CC):  –

Coordenação do Curso